Literatura

SETÚBAL | José Casaca lança livro sobre autarquia de Setúbal

José Casaca, ex-aluno da Universidade Sénior de Setúbal, apresentou o livro “Governabilidade e Autarquias – O Caso da Autarquia de Setúbal – 1976/2005”, que contou com a presença da presidente da autarquia sadina.

Autores
  • Fatima Brinca (Jornalista Jubilada)

  • Email
Foto
  • Direitos Reservados do Autor

Localidade
  • Setúbal

Categoria
  • Literatura

O livro de José Casaca, ex-aluno da Universidade Sénior de Setúbal, resulta de um trabalho árduo de investigação que o autor fez para “perceber se as leis vigentes impedem ou não a governação nas autarquias”, conforme explica.

 

O autor procedeu a uma demorada pesquisa nos arquivos municipais, na internet, em diversa bibliografia e de leitura de todas as actas das sessões de câmara entre 1976 e 2005.

 

Depois de quatro anos de trabalho José Casaca organizou toda a informação recolhida e escreveu a tese de pós-graduação na Uniseti, que deu origem ao livro “Governabilidade e Autarquias – O Caso da Autarquia de Setúbal – 1976/2005”. O autor apresenta em tese final que “a legislação vigente não impede que as autarquias continuem a governar sempre, mesmo sem maiorias absolutas”.

 

A presidente da Câmara de Setúbal, Maria das Dores Meira, que fez a nota introdutória no livro, elogiou o trabalho “único” realizado por José Casaca.

 

Para autarca sadina a obra passa a ser “a única recolha sistematizada de informação que contém uma análise de resultados eleitorais no concelho de Setúbal, acompanhada de informação adicional sobre a governabilidade das autarquias que nos remete para interessantes conclusões sobre este sistema eleitoral concreto”.

 

Na apresentação do livro procedeu-se também à atribuição de distinções e para além de José Casaca, que recebeu a distinção pelo trabalho que deu origem ao livro sobre a governabilidade nas autarquias, foram entregues diplomas à actriz Maria Clementina Pereira, que realizou a pós-graduação com o trabalho “O Teatro Amador em Setúbal”, e Alberto Alves, que escreveu sobre “O Turismo e a sua Evolução Histórica”.

 

Adicionar Comentário