Leonor Freitas dá lugar a Joana Freitas na Mesa da Assembleia Geral da AISET

SETÚBAL - Joana Freitas sucede a Leonor Freitas na Mesa da Assembleia Geral da AISET

A Associação da Indústria da Península de Setúbal (AISET) elegeu na Amora, Seixal, os novos corpos sociais daquela associação. A Casa Ermelinda Freitas mantém-se nos corpos sociais mas com a geração mais nova da família Freitas.

Autores
Foto
  • Diário Imagem

Localidade
  • Setúbal

Foi no Evidência Belverde Atitude Hotel, na Amora, Seixal, que os corpos sociais da AISET reuniram para eleger os novos corpos sociais da associação. A AISET foi a eleições com uma lista única, três anos depois de ter sido criada com o objetivo de promover a indústria na Península de Setúbal.
 
Novos elementos entraram e outros foram substituídos, é o caso da empresa Casa Ermelinda Freita, localizada em Fernando Pó, no concelho de Palmela, que mantém a sua presença na Mesa da Assembleia Geral, mas agora representada pela nova geração Freitas, Joana Freitas tomou o lugar de Leonor Freitas.
 
Novos rostos continuam trabalho da anterior direção
 
A AISET vê agora renovado os seus corpos sociais, as caras novas sucedem-se como  o caso da empresa Raporal, sediada na cidade do Montijo, que pela primeira vez terá presença na AISET com Pedro Lagoa a representar a empresa de rações.
 
Nuno Maia, diretor de comunicação e sustentabilidade da empresa Secil, é quem toma os comandos da AISET, sucedendo a Óscar Arantes, diretor industrial da Navigator Company, que ocupou o cargo desde a constituição da associação.
 
No final houve lugar para um jantar debate com a presença de António Saraiva que abordou três temas que estão a preocupar atualmente a indústria e empresas ligadas ao setor da formação profissional.
Adicionar Comentário