CONDECORAÇÕES 5 DE OUTUBRO

5 DE OUTUBRO | D. Manuel Martins condecorado a título póstumo

Bispo emérito de Setúbal recebeu postumamente a condecoração com a Grã-Cruz da Ordem da Liberdade. 

Autores
Foto
  • Diário Imagem | JAC

Localidade
  • Lisboa

Categoria
  • Sociedade

O Presidente da República condecorou hoje, a título póstumo, D. Manuel Martins, falecido a 24 de setembro.

 

Esta condecoração estava prevista para ser entregue pessoalmente àquele que foi o primeiro bispo da diocese de Setúbal.

 

Marcelo Rebelo de Sousa referiu que "a providência, ou a vida" quis tal não fosse possível. Assim, foi Arnaldo Cerqueira, sobrinho de D. Manuel Martins, que recebeu esta condecoração póstuma.

 

O Presidente da República realçou o papel do chamado bispo vermelho na "vida dos mais fracos e sofredores", principalmente da região de Setúbal.

 

Também a título póstumo foi condecorada Maria de Lurdes Pintassilgo, a primeira mulher a ocupar o cargo de primeiro-ministro de Portugal. A condecoração foi entregue à sua prima Fátima Grácio.

 

Por fim, Marcelo louvou o percurso comunitário e académico de António Barreto, como "formador de mentalidades" e pelas sua "luta contra a ditadura".

 

Admitindo-se "honrado", referiu-se aos dois condecorados a título póstumo como inesquecíveis, pela sua "luta pela liberdade", fazendo dela "um dos seus ideais".

 

"Pela liberdade, tudo, é um valor primordial", terminou António Barreto.

 

 

Adicionar Comentário