Animais

ANIMAIS | Fuzileiros salvam golfinho na margem do rio Coina

Esta manhã, cinco fuzileiros da Unidade de Meios de Desembarque desempenharam uma missão especial, ao ajudar um golfinho que se encontrava encalhado na margem do rio Coina.

Autores
  • Carmo Torres / Policia Maritima

  • Email
Foto
  • DR - Polícia Marítima

Localidade
  • Barreiro

Categoria
  • Sociedade

O alerta chegou por dois pescadores que se deslocaram à Escola de Fuzileiros para informar o ocorrido. De imediato foi ativado um bote da Unidade de Meios de Desembarque com cinco militares, informa um comunicado da Polícia Marítima.

 

Devido ao facto de a maré estar bastante baixa e o animal se encontrar desorientado e cansado, não foi possível deslocar o golfinho para o meio do canal, pelo que os militares tiveram de sair do bote, colocar o animal no veículo e transportá-lo para outra zona.

 

Durante o transporte foi necessário manter o golfinho molhado com alguns cobertores e baldes de água, até chegar à área do Barreiro em que a profundidade do canal permitia que este saísse a nadar sem problemas.

 

Quando devolvido à água e após verificados os procedimentos indicados e cumpridos os requisitos mencionados pelas entidades técnicas nomeadamente referentes à capacidade e hidratação do golfinho, o mesmo saiu a nadar em direção ao estuário do rio Tejo sem dificuldades, cerca das 12h50.

 

Adicionar Comentário